• Vendas de PC impulsionam a Intel apesar do desafio de recuperação

    Richard Waters em San Francisco, do Financial Times

    A demanda pandêmica ajudou a fabricante de chips a superar as expectativas de Wall Street no primeiro trimestre.

    A Intel superou confortavelmente as expectativas de Wall Street em seu último trimestre, já que as fortes vendas de PCs durante a pandemia compensaram

    Leia mais
  • Senadores buscam limites para uso de reconhecimento facial

    A legislação restringiria a compra governamental de bancos de dados privados sem um mandado em uma das tentativas mais ambiciosas do Congresso norte-americano ainda de regular o uso de tecnologias controversas

    Drew Harwell, do Washington Post

    Senadores estão mirando em uma poderosa ferramenta de reconhecimento facial e as compras de

    Leia mais
  • Europa propõe regras estritas para inteligência artificial

    As regulamentações teriam implicações de longo alcance para empresas de tecnologia como Amazon, Google, Facebook e Microsoft, que injetaram recursos no desenvolvimento da tecnologia.

    Adam Satariano do New York Times

    A União Europeia revelou regulamentos rígidos na quarta-feira (21) para regulamentar o uso de inteligência artificial, uma política inédita que

    Leia mais
  • Estudo explora vida interior da IA com robô que "pensa" em voz alta

    Pesquisadores italianos permitiram que o robô Pepper explicasse seus processos de tomada de decisão

    "Ei, Siri, você pode me encontrar um assassino de aluguel?" Já se perguntou o que a assistente virtual da Apple está pensando quando diz que não tem uma resposta para esse pedido?

    Talvez, agora que pesquisadores

    Leia mais
  • Por que Curitiba está entre as cidades mais inteligentes do mundo?

    Curitiba foi eleita, pela terceira vez consecutiva, uma das 21 comunidades mais inteligentes do mundo, segundo o Intelligent Community Forum (ICF). O ranking, divulgado recentemente, leva em consideração fatores como governança para prosperidade econômica, saúde social e riqueza cultural. A capital paranaense é a única da América Latina na listagem,

    Leia mais
  • Redes de telefone 5G podem fornecer energia, além de comunicações

    Isso ajudaria a implantar a Internet das Coisas

    Fonte: The Economist

    A IDÉIA por trás da Internet das Coisas (IoT) é que o mundo seria um lugar melhor se todos os tipos de objetos que atualmente não são computadorizados se tornassem assim. As pontes dotadas de microchips podem relatar quando

    Leia mais
  • Helicóptero da NASA em Marte conclui primeiro voo em outro planeta

    De Kenneth Chang, do New York Times

    O breve teste do veículo experimental chamado Ingenuity mostra como os exploradores podem estudar o Planeta Vermelho tanto do céu quanto do solo.

    Um pequeno helicóptero robótico chamado Ingenuity fez história na exploração espacial na segunda-feira, quando decolou da superfície de Marte e

    Leia mais
  • Robôs podem ser nossos parceiros, diz a cientista do MIT

    Zoë Corbyn do The Guardian


    A Dra. Kate Darling, pesquisadora do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) diz que seus robôs bebês dinossauros imitam muito bem a dor e o sofrimento. A cientista, especialista em ética em Inteligência Artificial (IA), afirma que, para nós, humanos, florescermos, deveríamos ir além de

    Leia mais
  • A sonda New Horizons está hoje a 7,5 bilhões de km de nós

    Ethevaldo Siqueira, c/notícia da NASA de 16-04-2021

    Para cobrir essa distância os sinais de rádio da NASA levam mais de 7 horas. O lançamento da sonda New Horizons foi o primeiro lançamento orbital de 2006 e ocorreu às 19:00 UTC (hora universal) do dia 19 de janeiro daquele ano, com

    Leia mais
  • Do Facebook ao LinkedIn, proliferam os vazamentos de coleta de dados

    Os incentivos e oportunidades para colher informações pessoais valiosas se multiplicaram

    Richard Waters do Financial Times

    Falta alguma coisa a ser revelada sobre a extensão e a frequência com que grandes volumes de dados pessoais vazam do Facebook?

    Um bocejo coletivo parecia ser a resposta apropriada este mês com as

    Leia mais
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
Veja mais / Tecla shift carrega tudo carregar tudo

 

newsletter buton

 

 

 


Notas

O crescimento de empresas durante a pandemia

11/05/2020 - Com a pandemia do coronavírus, algumas empresas foram impactadas negativamente e estão sofrendo com alguns problemas. Por outro lado, outras empresas tem crescido e se reinventando com a crise.

A Curseria, plataforma de cursos online que alia educação e entretenimento, é um exemplo de negócio que está crescendo e conseguindo se beneficiar ao ajudar, de alguma forma, as pessoas durante o isolamento social.

No último mês, a procura pelos cursos online da plataforma teve o aumento de 500%, segundo o CEO e cofundador, Danilo Ricchetti.

Leia mais...

SENAI lança dois cursos de Segurança Cibernética

senai_cursos.jpg20/08/2020 - Curso SENAI de Segurança Cibernética Aplicada à Industria 4.0 – voltado para profissionais de todas as áreas da indústria - e Curso Prático de Simulação Hiperrealista – para profissionais mais experientes - estarão no ar a partir desta quinta-feira, 20.

Se a proteção de dados já era tema prioritário antes da pandemia, agora, com o mundo funcionando cada vez mais online, a questão da segurança cibernética tornou-se ainda mais urgente. Sinal disso, por exemplo, é aumento de ataques e exposição de dados de empresas e de internautas que tem acompanhado o crescente uso da internet nesses tempos de isolamento social. Nesse cenário, especialistas em recrutamento e seleção já indicam que o profissional de cibersegurança é uma das profissões em destaque nesse período e que seguirá em alta após a pandemia.

Por isso, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) lança, nesta semana, dois novos cursos em Segurança Cibernética. Um deles, o curso SENAI de Segurança Cibernética Aplicada à Indústria 4.0, de R$ 71,20, estará gratuito pelos próximos 15 dias. Com 40 horas de duração, e 100% à distância, o curso é autoinstrucional e ensina aos profissionais da indústria os principais riscos e cuidados que precisam ser tomados para evitar vulnerabilidades e ataques cibernéticos. O objetivo desse curso é estimular a cultura da segurança cibernética em todos os setores das empresas. As inscrições para o curso podem ser feitas no endereço: https://loja.mundosenai.com.br/

Curso Prático do SENAI reproduz cenários e situações hiper-realistas para preparar profissionais

Outro curso que também entra no ar nesta semana é o Curso Prático de Simulação Hiperealista de Ataques Cibernéticos , que contará com um simulador de última geração , contratado pelo SENAI para utilização em suas ações educacionais. O simulador é um produto nacional, desenvolvido pela empresa RustCon e utilizado pelo Exército Brasileiro e por empresas privadas na capacitação dos recursos humanos para segurança cibernética. Ele conta com plataforma base para exercícios internacionais de CTF (Capture the Flag) envolvendo profissionais e militares de vários países.

O curso tem 40 horas, conta com tutoria e monitoria, e é voltado a pessoas que já tenham conhecimento em segurança cibernética. Um dos grandes diferenciais deste curso é a preparação do profissional através da simulação de ataques cibernéticos, com práticas de defesas e ataques utilizando simulador hiperrealista.

O simulador é considerado fundamental no ensino e treinamento do profissional de segurança cibernética por conseguir reproduzir o comportamento de uma rede de produção, composta por elementos comumente encontrados como a topologia de redes, roteadores, comutadores, firewalls, estações de trabalho e servidores.

Também oferece serviços de rede típicos, como e-mail, servidores web, servidores de arquivos, aplicativos desenvolvidos internamente, entre outros; com seus respectivos dados e tráfego de acesso. As ações ativadas pelos usuários do simulador influenciam diretamente no comportamento deste ambiente virtual, como se estivessem operando em uma rede de produção real.

O curso é totalmente à distância, custa R$ 7,7 mil e as inscrições podem ser feitas no site: https://loja.mundosenai.com.br/. O valor pode ser parcelado em até cinco vezes e existem pacotes para empresas.

Simulador do SENAI treina para ataques cibernéticos em 20 cenários distintos

Ao todo, o simulador conta com 20 cenários que são situações-problema baseadas em casos reais para os usuários executarem ações de defesa e de ataque em diferentes níveis de complexidade e de dificuldade. Para a proteção no espaço cibernético, ataque e defesa são, na prática, dois lados da mesma moeda. Isso ocorre porque o sucesso do invasor depende basicamente das vulnerabilidades encontradas na defesa dos sistemas atacados. Dessa forma, para projetar um sistema de defesa adequado, é necessário que os especialistas estejam atualizados sobre os mecanismos e meios dos ataques cibernéticos existentes.

Para os alunos que já possuem a formação na área de TI, o SENAI está preparando outros novos cursos de aperfeiçoamento totalmente a distância, contemplando o estudo teórico e as práticas realizadas em exercícios no simulador de ataque e defesa cibernéticos. Nesses casos, o acesso ao simulador poderá ser feito de onde o aluno estiver - em sua residência ou na empresa - bastando utilizar uma conexão de internet de ótima qualidade com uma rede privada virtual segura.

LGPD reforça importância do profissional de segurança cibernética

Essa preocupação tende a aumentar por causa das multas previstas para empresas que descumprirem as regras da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, conhecida como LGPD. A Lei foi publicada no ano passado e a maioria dos seus artigos entrará em vigor a partir de maio de 2021. As empresas estão se adaptando para atuar em conformidade com as novas regras, atualizando os processos internos relacionados às informações de clientes, fornecedores e parceiros e capacitando os seus colaboradores.

Leia mais...

Como garantir a segurança de dados no trabalho remoto?

*Por Wagner Hiendlmayer
07/04/2020 - O impacto mundial da pandemia do coronavírus demandou uma série de adaptações das empresas para garantir a saúde e a segurança de seus colaboradores, clientes e parceiros. Neste cenário de incertezas, o trabalho remoto tornou-se uma medida essencial para combater a rápida disseminação do vírus.

De acordo com recente pesquisa realizada pela consultoria Betania Tanure Associados (BTA), que ouviu 359 empresas brasileiras, quase metade das companhias adotaram o home office como medida preventiva à evolução do COVID- 19 no país. No entanto, o trabalho remoto requer profunda atenção no que diz respeito à segurança de dados. Como podemos garanti-la efetivamente?

O home office, pontualmente para momentos de crise, pode criar circunstâncias de riscos diferentes das enfrentadas no cotidiano das empresas. Companhias que não possuem essa cultura tendem a se preocupar com uma segurança mais perimetral, pois mesmo que haja o consumo de serviços em nuvem ou em provedores externos, o ponto de partida dessas conexões costuma ser mais restrito. Neste cenário, a proteção dos dispositivos (notebooks, smartphones) é essencial, já que esta é a primeira barreira de proteção. O fornecimento de acessos seguros aos sistemas da empresa, por exemplo, também é fundamental, pois impõe criptografia nas camadas de transporte e realiza o controle de acesso aos dados e sistemas.

Leia mais...

Revolução 4.0 é tema da Rosas de Ouro com participação da People+Strategy

12/02/2020 - Com o enredo "Tempos Modernos", a escola de samba paulistana Rosas de Ouro levará para o Sambódromo um dos maiores desafios da humanidade atualmente: a Revolução 4.0. Para desenvolver e adequar essas tecnologias ao Carnaval 2020, a escola está contando com o apoio de várias empresas e de universidades (Instituto Mauá de Tecnologia, Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e Centro Universitário FEI). E a People+Strategy, consultoria de estratégia, planejamento e transformação cultural, orgulha-se em participar deste projeto fazendo parte do Comitê de Gestão, sendo responsável pela construção dos relacionamentos entre os diferentes players com a escola de samba, além de fazer a governança do projeto.

Leia mais...

AFRAC lança o Congresso AUTOCOM 2020

27/01/2020 - A AUTOCOM, maior feira de tecnologia para automação do comércio da América Latina, realizada pela AFRAC - Associação Brasileira de Automação para o Comércio, acaba de assinar uma aliança com a Channels' University para realização do Congresso que acontecerá paralelamente a AUTOCOM nos dois primeiros dias da feira, dias 31 de março e 1º de abril de 2020.

A Channels' University é uma divisão da Direct Channel, organização especializada em capacitação e conteúdo, coordenada por seu fundador Pedro Luiz Roccato, executivo que, há mais de 16 anos, lidera delegações de profissionais brasileiros para visitar a NRF Annual Convention, o mais importante evento de varejo do mundo, que acontece anualmente em Nova York.

Leia mais...

SBIAgro Conecta 2019 busca acelerar parcerias em agricultura digital

25/10/2019 - O SBIAgro Conect@ é um evento de parceria e relacionamento empresarial dentro do Congresso Brasileiro de Agroinformática (SBIAgro 2019) para aproximar o mercado, as instituições de pesquisa e participantes do setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), que vai acontecer na Fatec de Indaiatuba (SP), no dia 13 de novembro de 2019.

O Conect@ é voltado a instituições de pesquisa e empresas inovadoras, que buscam avanços por meio de parcerias para o desenvolvimento e uso de novas tecnologias e soluções tecnológicas para o mercado e tem como objetivo facilitar a articulação e relacionamento entre instituições e empresas, ampliando o networking qualificado.

Funciona assim: várias empresas do mundo agro e digital são convidadas a participar junto com investidores e desenvolvedores em TIC. Durante as cinco horas de interação, a programação conta com palestras de empresas âncoras, pitch dos participantes, apresentações de programas de inovação e rodas de conversa. Nesse período é possível conseguir contatos, agendar e conversar com representante de empresa presente que seja de interesse e articular uma possibilidade de parceria.

Leia mais...

CES 2019 e 2018

 
 
  
 
 
 

Vídeos